"Feliz aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina."
Cora Coralina

Tradutor

English FrenchGermanSpainItalianDutchRussianJapaneseKoreanChinese SimplifiedArabicPortuguese
By Ferramentas Blog

Junte-se à lista de amigos!

sexta-feira, 12 de janeiro de 2018

Festivais e Feiras de Patchwork e Quilt no Brasil 2018

Todo ano gosto de fazer um levantamento do calendario de eventos relacionado ao mundo dos paninhos.  Alguns entram, alguns saem.... o que mais interessa é que sempre tem alguma coisa acontecendo ou por acontecer. Sou apaixonada por feiras de patchwork, e quando posso estou lá... as vezes participando de exposições, as vezes só apreciando... tudo me fascina. Então aqui estão as datas confirmadas de alguns eventos. Se você nunca foi, aqui vai uma dica: programe-se para ir em pelo menos um.... você vai ver como é bacana, bonito e apaixonante.
Para visualizar o calendario, entre no link abaixo:
http://www.quiltmaniabrasil.com/p/calendario-de-feiras-e-festivais-no.html
Obrigada!

segunda-feira, 23 de janeiro de 2017

Tingimento de Tecidos

Tingir tecidos é uma arte milenar, quase tão antiga quanto a origem dos tecidos. 
Na civilização antiga, os tecidos eram de origem animal (lã e seda) ou vegetal( linho, algodão). Seu tingimento da mesma forma se dava com produtos derivados de plantas, insetos, ou minerais. Atualmente desfrutamos de tecidos de origem vegetal, animal e também  sintética. As fibras sintéticas desenvolvidas  no período pós-guerra devido à escassez de materiais naturais, conquistaram espaço na industria têxtil, como o Nylon e a Lycra. Mais recentemente temos à nossa disposição tecidos inteligentes usando conceitos de nanotecnologia.             
O tingimento da mesma forma acompanhou o desenvolvimento têxtil. Antes feito à base de  materiais naturais, hoje temos corantes químicos, que fornecem um leque de cores, mais resistentes à luz, às lavagens e ao tempo.  
Na antiguidade, os tecidos tingidos pertenciam às camadas mais favorecidas das sociedades.  Com o passar dos tempos, a industrialização dos materiais e dos métodos de tingimento proporcionaram produtos com custos mais acessíveis.
Não posso deixar de mencionar que a industria têxtil é uma das maiores poluidoras do meio ambiente.  Tanto o tingimento natural, onde se faz necessário o uso de mordentes, quanto o tingimento químico, onde são utilizados produtos à base de metais pesados, fosfatos, entre outros, nocivos à saúde e ao ambiente.
Os métodos de tingimento foram sendo aprimorados com o passar dos tempos.  Na década de 1960 tornou-se popular com o movimento hippie, o famoso “Tye Dye” (amarrar e tingir). Uma forma de obter lindas estampas monocromáticas ou coloridas.  Persiste até hoje, e é muito usado no vestuário e decoração.

Muitas técnicas de tingimento são conhecidas, tornando infinitas possibilidades de estampas, cores e combinações. Tecidos tingidos artesanalmente são muito valorizados no vestuário, artigos de decoração, bem como na arte têxtil. 
Pretendo aos poucos descrever aqui, alguns métodos de tingimento com os quais tenho experiência. 
Seja feliz!!!

terça-feira, 8 de abril de 2014

Invenção da Máquina de Costura

 
Comentário de  Mahatma Gandhi sobre máquina de costura: 
 "Ela é uma das poucas coisas úteis já inventadas."
 
Quem hoje costura sem máquina? Mesmo nos projetos feitos “à mão”, em algum momento vamos para a máquina! Raramente fazemos um projeto 100%  à mão (ops! minha primeira professora de patchwork nos deixava com sentimento de culpa se pensássemos em usar máquina!!!!!!).  Mas o fato é que quase toda casa tem uma máquina de costura, mesmo que ninguém ali saiba costurar... ou estou errada??  Mas quem foi o autor dessa invenção tão útil quanto necessária? Sua invenção não foi tão simples assim...  Passou por um processo evolutivo envolvendo imitações e batalhas por patentes.  Existem muitos registros de patentes de máquinas, entre  1755 e 1834, nenhuma com eficácia.
Entre as muitas tentativas de facilitar seu trabalho, um alfaiate austríaco Joseph Madersperger , inventou uma mão mecânica. Patenteou em 1814.  Esse aparelho não fazia uma costura muito durável, pois usava apenas uma linha...mas sua idéia chegou aos Estados Unidos. Foram  muitas as tentativas de se conseguir uma máquina eficiente. Em 1830 um alfaiate francês Barthelemy Thimonnier inventou a primeira máquina funcional que usando apenas uma fonte de linha, fazia o ponto corrente. Mas ele quase foi morto por um grupo de alfaiates franceses que queimaram sua fábrica pois temiam o desemprego com o uso dessa máquina!!!
Em 1834 Walter Hunt inventou uma máquina eficiente, mas nunca a patenteou temendo o desemprego que ela poderia gerar. Em 1846 Elias Howe conseguiu a primeira patente de máquina que usava um processo  de linhas vindas de duas fontes diferentes.  A partir daí, outros inventores foram aprimorando os projetos, como Isaac  Merritt Singer e Allen Wilson.                                          Em 1850 Isaac  Merritt Singer começou a comercializar suas máquinas, para uso industrial.  Houve uma batalha por patentes entre Isaac Singer e Elias Howe. Em 1854 Howe venceu a batalha e Singer teve que pagar royalties a Howes.  Singer construiu a primeira máquina movida por pedal. Antes eram movidas manualmente por manivelas. 
Em 1873 Helen Augusta Blanchard  patenteou a primeira máquina de costura zig-zag.
Em 1889 começaram a ser comercializadas máquinas de costura domésticas.  Até então eram usadas apenas industrialmente.
Em 1905 máquinas de costura elétricas começaram a ser utilizadas.

Atualmente as máquinas alcançaram sofisticações, muitas são eletrônicas, recursos inimagináveis, mas seu mecanismo primário de funcionamento continua o mesmo!
 
Primeira máquina patenteada de Elias Howe:

 
 
Máquinas antigas...movidas com manivela
(imagens da net)
 
 
 
Máquina movida com correia e pedal...

 
 
Máquina elétrica:
 
 
 
 
Máquina eletrônica: 
 
Fonte do artigo e das imagens: diversos sites da internet. Principalmente Wikipedia.
 
 
 

sábado, 11 de janeiro de 2014

Agulhas para máquina de costura doméstica

Preparei um post sobre agulhas para máquinas.
Apenas um resumo e espero ajudar quem tem dúvidas na hora de comprar...
A escolha certa faz muita diferença, tanto no resultado do trabalho como
no ato de costurar... quantas vezes temos dificuldades como linha que arrebenta toda hora?
Ou a agulha que deixa buraquinhos aparentes no tecido? Ou a agulha que faz barulho quando entra no tecido?
Para começar a entender um pouco mais sobre agulhas, veja o post nesta página:
http://www.quiltmaniabrasil.com/p/agulhas-para-maquina-de-costura.html
Espero que gostem e que seja útil! Beijos!

sábado, 3 de novembro de 2012

Houston 2012

É com imensa alegria e orgulho, que meu trabalho está exposto num dos maiores eventos de patchwork do mundo! Organizado e patrocinado pela KIKIKITS Art Works, uma exposição de
trabalhos  brasileiros para pessoas do mundo inteiro ver! Só posso agradecer a oportunidade e parabenizar todas artistas selecionadas para esta exposição!
 
 

 

 
Este é o meu trabalho "Favela - Espaço Aleatório":
 

domingo, 9 de setembro de 2012

Molde da lixeirinha de carro

Hoje finalmente consegui postar o molde da lixeirinha de carro.....
Quem desejar, pode ver lá no final do PAP!
http://www.quiltmaniabrasil.com/p/pap-de-lixeirinha-para-carro.html

Ando bastante ocupada, mas logo virão novidades!!!
Beijos!!!!

quarta-feira, 16 de maio de 2012

Quilt Perfeito
Será que existe o Quilt perfeito?  Como seria ele?
Um Quilt tem que agradar sobretudo a quem o fez. Não importa se tem defeitos, é torto ou desproporcional! Se  deixa o dono feliz, já basta. É assim que penso.

Um Quilt é uma obra de arte,  seja feito à mão, seja  feito à máquina.  Na minha opinião, um Quilt deve ser visto como um todo, ou seja,  o “conjunto da obra”  deve ser bonito, harmonioso, equilibrado, agradável de se ver. Não vai ser um pontinho fora do lugar que vai desclassificar um trabalho. É uma peça única, mesmo se forem feitas várias unidades “iguais”,  cada um terá sua impressão digital.  Mas se você quer fazer aquele trabalho super caprichado, ou quer participar de um  concurso, por exemplo, o  Quilt deve atender a  alguns mínimos detalhes .
E que detalhes são esses?

-Os pontos de costura e de quilt devem ser  firmes,  uniformes e com tensão adequada, frente e verso;

-A linha deve ser  da cor e espessura corretos, tanto para quiltar como para costurar;

-Os blocos devem estar bem encaixados;

-As bordas devem ter  ângulos bem definidos  em todos os cantos;

-O Quilt deve ser liso, sem ondulações ou pregas;

-Nós de arremate embutidos , frente e verso;

-Deve haver harmonia na escolha dos tecidos, cores, estampas, textura;

-O  tamanho deve ser adequado ao uso, ou de acordo com as regras do concurso;
-Deve ter etiqueta identificando o autor do trabalho, contato, ou em caso de concurso, etiqueta com informações sobre a técnica, modo como foi feito,  (se à mão ou à máquina, ou os dois...) , referências, autor, data, etc.

-No caso do Quilt ser um painel,  deve ter “manga” para pendurar o suporte.

Bem, estes são os principais detalhes, e exigem alguma habilidade....nada difícil de alcançar. Basta ter talento ou treinamento.  Bom trabalho!!! ;D